sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Saudade



"O tempo não pára! Só a saudade é que faz as coisas pararem no tempo..."
[Mário Quintana]


No dicionário saudade quer dizer:
"s.f. Recordação suave e melancólica de pessoa ausente, local ou coisa distante, que se deseja voltar a ver ou possuir.
Nostalgia."
Contudo, como é possível sentir falta do desconhecido?
 Pois eu sinto falta do que não tive. Daqueles dias de paz, de puro entendimento, onde os conflitos eram deixados de lado por uma razão maior, porque havia coisas lindas para viver e ninguém desejaria perder tempo com brigas, eu sinto saudade de acordar ao lado da pessoa amada e ver aquele par de olhos me fitando enquanto eu dormia. Sinto mais ainda o período, no qual, as pessoas que realmente se amavam não deixavam o sentimento se perder na rotina, e que o famoso "eu te amo" só era dito quando verídico.  
 Me irrito ao pensar que os "amores" são sentimentos físicos, contatos de pele que duram por algum período e se esvaem do nada. Sinto falta imensamente de quando as pessoas eram honestas por inteiro e não se corrompiam por coisas materiais. De quando a felicidade era real e não momentânea. 
 Sinto saudades da segurança de poder sair de casa e saber que nada acontecerá que eu retornarei tranquilamente. 
  E uma vez que, o assunto é a saudade, falta e a nostalgia, vou declarar a falta que presencio daqueles que sonhavam e corriam atrás mesmo  que o sonho fosse impossível, dos sonhadores que tornavam-se vencedores por fazerem de um desejo uma conquista linda.   
  Geralmente sentimos saudades do que já passou, mas isso não quer dizer que não seja possível fazer essa saudade imaginária virar algo real e intenso que invade a vida e mostra que essa pode ser melhor do que têm sido.

19 comentários:

  1. Sim, é verdade.
    Às vezes o sonho impossível ou que parecia ser...
    pode de repente se transformar em uma conquista linda.
    Um lindo fim de semana pra ti, beijos.
    Mery.

    ResponderExcluir
  2. seria alguma coisa relacionada aos nossos sonhos? ter saudade de coisas que ainda não fizemos, de pessoas que sequer conhecemos. Tem gente que diz que isso é coisa de filme, mas esse filme aí é a vida real...
    Lindo teu texto, muito reflexivo.

    bjbj

    ResponderExcluir
  3. Um belo texto, intenso, maduro, deixa o leitor satisfeito de sentimentos e pode pensar, analizar, como anda minha saudade? Adoro ler suas mensagens, um inicio, meio e final perfeitos, vc está madurinha, diris uma escritora no ponto para montar algo mais pra nós, quem sb um livro? Estou em busca de uma parceria, quem sb? Pense, analçize, seu texto é um charme, pra vc menina poetiza bjos, bjos e bjossssssssssssssss

    ResponderExcluir
  4. Boa noite amiga
    Vim agradecer a sua visita lá no meu cantinho!
    Seja sempre muito bem vinda ao meu magico do coração!
    tenha uma linda semana!
    abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  5. Ual, as palavras de cada um nesses comentários foram lindas e motivadoras! Obrigado!

    ResponderExcluir
  6. Que blog lindo amei,amei gostei tanto que resolvi ficar,já estou a te seguir te convido a conhecer meu cantinho também se gostar fique! Tudo por aqui é lindo,parabéns pelo blog contagiante bjos de boa semana!

    http://julikotona.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Estava saudosista nesse fim de semana. Há várias formas de sentir saudades, mas todas essas formas têm morada no coração. Adoro o seu blog, sabia? Beijinhos.

    ResponderExcluir
  8. Sentir saudades é normal,temos que conviver,os bons momentos moram em nossos corações!
    http://caahwolf.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Oi, Moni! Belas palavras...
    Voce já sentiu saudade do que virá?
    Beijos...

    ResponderExcluir
  10. Talvez essa saudade do que não se tem é exatamente dos planos que você faz a si mesmo. Da vontade viver "aquilo", até desse passado em que era melhor.

    Belo texto Moni. Beijo grande, Ana.

    ResponderExcluir
  11. Felicidade ter todos vocês comentando por aqui!

    ResponderExcluir
  12. Oi, Moni! Ouvi dizer dizer que se chama "nostalgia futura" sentir saudades do futuro; em todo caso, o agora é o melhor presente! Bela visita, sempre! Beijos...

    ResponderExcluir
  13. Querida amiga
    Hoje eu vim pensando um pouquinho em meu sonho
    por favor clique no Link

    http://www.mariaalicecerqueira.com/2011/08/prezado-amigo-leitor-e-seguidor-me.html

    Muito obrigado de coração

    abraço amigo
    atenciosamente
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  14. Oi, minha doce amiga!

    (Saudades...!)

    Estive ausente por alguns dias, trabalhando muito. Mas hoje dediquei um tempo especial para deixar um abraço a todos os amigos maravilhosos que este universo blogueiro me fez encontrar. E vc é, sem dúvida, alguém muito especial.

    Seu espaço sempre reserva boas energias e ótimas surpresas... Eu leio nas suas palavras muitas nuances do que já escrevi um dia, quando era mais jovem. A frase do Mário Quintana estava sempre nas capas das agendas e cadernos!

    (Tb não sou tão velha assim, rsrsrs... mas já passei há tempos da adolescência).

    Por isso posso te assegurar que vc está numa das fases mais belas, a descoberta te acompanha, ainda que vc não perceba.

    E a saudade... ela vai ganhando espaço. Eu me encanto com a maturidade que já vejo em ti...

    Enfim, continue expressando a suas ESSÊNCIA nas suas PALAVRAS!

    Meu beijo, c/ carinho... ^^

    ResponderExcluir
  15. Volte vc dxa uma imensa SAUDADE no meu pobre coração q gosta tanto de passear por aqui, bjos, bjos, bjossssssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  16. Desculpem a todos pela minha ausência!
    Obrigado pelos comentários lindos e gentis!
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Que linda você! Obrigada pelo comentário carinhoso no meu blog. Fico feliz que tenha gostado da nova carinho e do texto.
    Pode deixar que agora acho que não vou sumir! ;)
    hehehe.

    Beeeijos Moni.

    ResponderExcluir
  18. Obrigada pela sua visita. Passando para desejar um ótimo fim de semana. Beijinhos estalados.

    ResponderExcluir